22/03/2013

5 anos depois

Estou postando depois de 5 anos de criar o blog, só para dar notícias e atualizar os leitores...

Para começar, eu gostaria de dizer que eu leio todos os comentários postados, e estou bastante feliz com o pessoal fazendo contato entre si e comentando como estão indo, pequenos truques que usam, compartilhando experiências, etc. É bom ver um senso de comunidado num momento em que nos sentimos tão isolados.

Espero que você veja que não está sozinho. Toda experiência que você como ser humano em que você se sente único e "esquisito", é provavelmente uma experiência que uma boa parte da humanidade sente também, mas não comenta com ninguém.

Sobre mim, estou feliz por informar que não tive NENHUM ataque de pânico desde então.

E este período inclui um dos piores momentos da minha vida... Lembro que quando escrevi os posts inicialmente, falei que você não teria pânico nem quando alguém próximo falecesse; na hora eu senti um frio na espinha pois imaginei isso acontecendo comigo, e não queria pensar no assunto.

Mês passado isso realmente ocorreu, minha mãe faleceu de repente. Eu senti todos os sentimentos que se espera: tristeza, medo, arrependimento, frustração... Mas em nenhum momento senti ansiedade ou começo de um ataque de pânico.

Mas não quero focar em negatividade: no geral minha vida está indo muito bem, me mudei pro exterior e me estabilizei aqui, tenho um emprego bom, muitos amigos e várias atividades sociais.

Hoje já me senti mais confortável contando pras pessoas que tive ataque de pânico, para mim é como se fosse uma vida passada ou um filme. Já não é tão pessoal. Todos ficam surpresos ao saber, pois hoje não tenho nenhum sinal de ansiedade.

Em retrospectiva, eu quero ressaltar que não lutar contra a síndrome do pânico é uma das chaves. Elimine termos como "vencer" ou "derrotar" do seu vocabulário. Simplesmente aceite cada ataque como algo natural, mesmo sendo extremamente desconfortável. Isso vai ajudar a quebrar o círculo vicioso aonde você está preso.

Além disso, exercite coragem: o contrário de ansiedade não é calma. Acredito que o sentimento de ansiedade que causa os ataques de pânico é criado pelo mente se sentindo sem controle da sua vida. Não é a toa que você entra em pânico.

Exercitar coragem vai destruir a essência da ansiedade. Pense em como você  gostaria de viver, e tome medidas (que na maioria necessitam coragem) para tornar isso realidade. Se você falhar, não tem tanto problema pois pelo menos sua mente saberá que você tem o poder de mudar as coisas. Talvez demore algumas tentativas para atingir seu objetivo, mas mais dia ou menos dias você chegará lá.

Estudos mostram que vítimas de violência que lutaram contra seu agressor ficam bem menos traumatizados no longo prazo dos que se renderam. Acho que neste caso é parecido... A mente não pode se sentir sem controle.

Então faça uma lista de 2 atos de coragem que você quer completar em 7 dias, nada muito extremo pra começar, mas também não pode ser insignificante, senão não é coragem. Veja o quão melhor você se sentirá.

Poste um comentário sobre como foi, e também participe da enquete na esquerda.

Muita gente tem pedido uma indicação de psicólogo(a), então aqui vai a minha: http://silviaaguilar.com.br/

Sobre outras perguntas que tenho recebi do via comentários, infelizmente eu não tenho tempo pra responder para cada um... Eu recomendo que caso você queira mandar algo que precise de uma resposta, que você poste numa comunidade sobre Sindrome do Pânico no Facebook ou Orkut. Lá bastante gente vai responder e dar dicas...

Por fim, eu quero agradeçer a todos os bondosos comentários. É sempre um prazer lê-los.

05/01/2008

Sobre mim e o blog

Tive sindrome do panico a uns 8 meses. Hoje eu nao tenho mais nada (na verdade, a sindrome do panico passou a varios meses), mas por algum motivo, nas ultimas horas estive pensando no assunto e senti que devia dispor da minha experiencia para quem quiser conhece-la. De alguma forma me sinto em divida com o universo, por te possibilitado os meios para que eu resolvesse meu problema. Eu nao sei quantas pessoas vao ler isso, talvez dezenas, ou so 1, ou ninguem... Espero que pelo menos 1 pessoa leia e consiga se ajudar com estas informacoes, ou ajudar alguem que ama.

Me lembro perfeitamente bem quando finalmente constatei que tinha este problema. Primeiramente encontrei uma lista de sintomas na internet, vi que eu me encaixava perfeitamente, mas nao quis acreditar. No dia seguinte conversando com uns amigos no trabalho, eu comentei que eu andava meio ansioso, que ate assistindo TV eu ficava ansioso. Por exemplo, se alguem na novela gritasse, meu coracao ja disparava, eu sentia o sangue subindo para o rosto, ficava agitado... Um dos meus amigos comentou que isso era sintoma de sindrome do panico, e que eu deveria tomar cuidado. Esta foi a gota d’agua, eu virei minha cadeira e voltei a trabalhar. Em 5 minutos tive outro ataque de panico; voltei para casa (e olha que eu tinha chegado na empresa a somente meia hora), dando a desculpa de problemas no estomago. Chegando em casa, entrei na internet e li tudo o que eu podia sobre o assunto: dissertacoes de psiquiatras, textos de psicologos, depoimentos de gente que tem ou teve, depoimentos de parentes... Alguns destes textos ajudaram, outros preferia nao ter lido. Eh neste ponto que eu quero entrar na sua vida, espero que este texto te ajude a entender melhor o que eh a sindrome do panico, porque acontece, como funciona, e o mais importante: como resolver o problema.

Primeiramente, vou falar um pouco de mim: tenho 23 anos, e nao tenho formacao em nenhuma area relacionada a saude, nem fisica nem mental. Isso quer dizer que tudo o que eu estou escrevendo aqui saiu de minha propria experiencia, e de minhas conversas com meu psicologo. Logo, nao use este texto como a fonte da verdade, se precisar de algum tipo de ajuda, procure um professional adequado. O meu intuito eh meramente dar uma pequena ajuda aos que precisam neste momento dificil, e nao ser a base para sua recuperacao.

Em alguns pontos eu repito uma ideia varias vezes, pois eu sei que a pessoa que esta nesta situacao realmente se sente melhor ao “ouvir” varias vezes e com confianca algo que pode lhes ajudar. Ah, me desculpem pela falta de acentos, estou num teclado em ingles.

O que eh a sindrome do panico?

Primeiramente, para efeitos praticos, a sindrome do panico NAO EH UMA DOENCA, eh somente um problema. Uma doenca ocorre quando seu corpo nao funciona como deveria, por exemplo, se voce tem gripe, sua energia e temperature nao estao em niveis normais. Se voce tem pneumonia, sua respiracao nao esta como deveria ser. A sindrome do panico eh mais como uma perna quebrada: nao tem nada de errado com voce, um osso esta partido, doi e era para doer mesmo, a solucao eh colocar o osso no lugar, e esperar o corpo resolver sozinho. Todos os sintomas da sindrome do panico sao perfeitamente normais, estao programados no nosso DNA para acontecer, e estao ocorrendo porque tem algo de errado no seu emocional.

A sindrome do panico eh uma reacao natural do seu corpo a carga de stress que foi acumulada no passado, e nao foi canalizada de forma saudavel. Portanto, quem tem sindrome do panico nao tem uma doenca, somente um problema a ser resolvido. Tudo o que voce esta sentindo eh perfeitamente saudavel, da mesma forma que a dor por ter quebrado uma perna eh perfeitamente saudavel.

Quais sao os sintomas?

Os sintomas físicos mais comuns são taquicardia, sudorese, sensação de falta de ar (não se preocupe porque ninguém jamais morreu sufocado por causa de Pânico), tremor, fraqueza nas pernas, ondas de frio ou de calor, tontura, sensação de que o ambiente está estranho, que a pessoa "não está lá" (isso se chama desrealização e não tem nada a ver com loucura, não se preocupe), de que vai desmaiar, de que vai ter um infarto, de uma pressão na cabeça, de que vai "ficar louco", de que vai engasgar com alimentos, assim como crises noturnas de acordar sobressaltado com o coração disparando e com sudorese intensa. Os sintomas variam bastante de pessoa para pessoa, na duvida procure um medico somente para ter certeza que voce nao tem nenhum problema realmente fisico. Mas a principal caracteristica da sindrome do panico eh o medo intenso de morrer ou enlouquecer.

Eh importante ressaltar que estes sintomas acontecem em sua maioria em momentos de relaxamento, e nao em momentos de stress. Por exemplo, se voce tiver uma discussao com um amigo, eh provavel que voce nao sinta nada na hora, ou sinta algo mas muito fraco. Porem, durante o banho, ou quando voce estiver assistindo TV ou se preparando para dormir, a crise de panico vai comecar. Isso acontece porque o corpo e a mente humana sao extremamente bem planejados, visualize a seguinte situacao, voce esta na selva, e de repente se depara com um lobo, ele te morde. Voce sente dor? Nao! Nenhuma ou quase nada. O seu corpo sabe que voce precisa da sua atencao, e nao vai te incomodar neste momento. Depois que voce se livrar do lobo, muitas horas depois voce vai comecar a sentir dor, pois seu corpo sabe que agora voce pode dar atencao aos seus ferimentos.

A mente eh muito parecida, geralmente nao vai te atormentar no momento de stress, mas quando voce relaxar, sua mente vai pensar: agora pode!

Eu tenho sindrome do panico?

Se voce leu os sintomas acima e se identificou, siga a seguinte sequencia: medico – psicologo – psiquiatra.

O medico vai servir somente para confirmar que voce nao tem nenhum problema estritamente fisico, e sim psicologico, o psicologo vai comecar seu tratamento, e eventualmente ele vai te indicar a um psiquiatra que pode prescrever alguns remedios para ajudar a enfrentar a sindrome enquanto voce se trata com o psicologo.

Eh importante seguir esta sequencia, tente nao ficar muito tempo com o medico, pois alguns deles por algum motivo teimam que voce tem um problema fisico, e querem te passar em todos os examos possiveis e imaginaveis. Explique para ele que voce desconfia que tem sindrome do panico, e somente quer confirmar que nao eh nenhum problema no seu corpo.

Depois, procure um psicologo de sua confianca. De preferencia um que tenha historico de tratar gente com sindrome do panico. NAO PASSE DIRETO PARA O PSIQUIATRA, ja vi casos aonde o medico erradamente indicou a pessoa para o psiquiatra, pulando o psicologo. Geralmente os psiquiatras, talvez por terem uma formacao mais de medico do que de psicologo, comecam a passar remedios, sem tratar da origem do problema: a sua mente. O correto eh conversar com seu psicologo, e voces juntos decidirao se eh o caso de solicitar medicacoes a um psiquiatra para conter os sintomas enquanto voces solucionam seus problemas.

Porque eu tenho sindrome do panico?

Basicamente, voce nao manejou o stress da sua vida de forma saudavel. Mais do que isso, seu corpo e sua mente deram sinais de que voce estava com excesso de stress, e voce provavelmente ignorou completamente tais sinais. As razoes sao variadas, ou por nao reconhece-los, ou por pensar que aguenta mais um pouco, ou por nao querer acreditar e mudar seu estilo de vida ou forma como se relaciona com o mundo.

De qualquer forma, eh importante ficar muito claro que a culpa eh sua. Eventualmente, ao pensar sobre o assunto ou conversar com o psicologo, voce vai concluir que alguem da sua rede de relacionamentos te pressiona demais, ou nao te trata de forma saudavel... Enfim, mas de qualquer forma, a culpa eh sua por nao ter lidado com a situacao da forma correta, e eh esta correcao que fara com que voce se livre do problema. Lembre-se que voce nao pode mudar as outras pessoas, mas pode mudar a si mesmo.

Como funciona a sindrome do panico?

De uma forma generica, voce esteve sob stress durante um longo periodo de tempo (geralmente meses ou anos), e o stress, como qualquer outra emocao, descarregou hormonios no seu sangue. Com o tempo, seu corpo comeca a nao suportar aqueles hormonios nocivos sendo despejados, e comeca a apresentar reacoes, te alertando que este eh um assunto que voce deve cuidar. Voce ignora tais sinais, e os sintomas ficam mais fortes, ate caracterizar um ataque de panico. Por isso citei acima que os sintomas sao normais, eh que a sindrome do panico nao eh uma doenca. Lembre-se sempre disso: seu corpo esta funcionando com perfeicao.

Tambem eh importante falar sobre outra coisa que acontece com quem tem sindrome do panico: o circulo vicioso. Uma vez que o primeiro ataque de panico acontece, o que eh obviamente uma experiencia muito desagradavel, a pessoa nao soh acumula todo o stress anterior, mas tambem a tensao de que outro ataque de panico pode acontecer a qualquer momento. Isso piora ainda mais a situacao, e coloca a pessoa num estado pre-panico o tempo todo, prejudicando a qualidade de vida gritantemente. A falta de contato social devido a esta situacao mais tarde piora ainda mais o circulo vicioso.

Neste ponto entra a ajuda profissional, um psicologo pode descobrir as causa do stress e ajudar resolver os problemas que comecaram a sindrome do panico. Se os sintomas estiverem fortes, o psicologo pode te indicar para um psiquiatra que vai lhe passer medicamentos que vao te ajudar a se acalmar, possibilitando o trabalho de resolver as causas do stress (porque por lei o psicologo nao pode passar receitas). Se medicamentos serao ou nao necessarios eh um julgamento do psicologo e seu. Como citei acima, nao tenho experiencia na area de saude, mas posso contar que eu nao utilizei nenhum medicamento e consegui resolver este problema de maneira eficiente, entao considere esta opcao na hora que estiver conversando com seu psicologo.

Retomando a metafora da perna quebrada, as dores na regiao sao perfeitamente normais, no entanto, um medico vai te dar medicamentos para conter esta dor e voce conseguir conduzir o seu dia-a-dia em paz. Quero enfatizar que o remedio contra dor nao tem absolutamente nada a ver com a correcao do osso da sua perna. Mantenha isso em mente.

A sindrome do panico eh semelhante, voce pode receber um medicamento para amenizar os sintomas, mas REMEDIOS NAO VAO TE CURAR. Da mesma forma que mesmo tomando remedio contra dor, um medico tem que colocar seu osso no lugar, se voce tomar algum remedio para se acalmar, voce ainda precisa ir no psicologo para resolver seus problemas. Isso eh muito importante, pois muitas vezes as pessoas tomam os remedios e acham que isso eh tudo. Isso resolveria se fosse uma doenca, mas como disse, nao estamos falando de uma doenca.

E aquela historia de que a pessoa nao consegue sair de casa?

Este eh um aspecto muito ressaltado da sindrome do panico, infelizmente criando uma ideia errada do problema, como se tudo se resumisse a medo de sair de casa.

O que pode ocorrer, eh que uma pessoa nao saiba sobre a sindrome do panico, e comece a receber sinais de que o stress ultrapassou o nivel aceitavel. Ela ignora tais sinais, e comeca a ter ataques de panicos em momentos aleatorios, por exemplo, ao estar dirigindo. Assustada, a pessoa erroneamente associa ataques de panico a dirigir, e passa a nao querer dirigir mais. Obviamente o problema nao esta resolvido, entao outro ataque de panico acontece, desta vez ao fazer compras no supermercado. Novamente, o cidadao associa ataques de panico a dirigir e ao fazer compras, e passa a evitar a situacao. A situacao piora, ate o ponto que a pessoa associa sair de casa com ataques de panico. O que pelo que ja foi discutido acima, nao faz sentido algum. Neste ponto geralmente o cidadao ou sua familia concluem que a situacao ja passou do limite, e procuram ajuda profissional.

O que fazer durante um ataque de panico?

Durante um ataque de panico, seu corpo vai reagir de forma estranha (vide a lista de sintomas), de uma maneira bastante logica, voce vai pensar que esta morrendo ou ficando louco. Os que pensam que estao morrendo as vezes vao para o hospital, somente para constatar que nao tem nada, e voltam para casa; um tempo depois, tem outro ataque de panico, e visto que nao estao morrendo, concluem que estao ficando loucos (este foi meu caso).

Estes medos sao perfeitamente normais, resultados dos sintomas somados com os hormonios no seu sangue. Eh importante ressaltar que nao importa o que aconteca, voce nao vai morrer nem perder a sanidade. Isso nunca aconteceu, nunca mesmo, com nenhuma pessoa que teve este problema.

Para passar o ataque de panico, voce deve fazer uma que voce provavelmente nunca tenha feito: ignorar completamente seus sentimentos. O medo de morrer ou enlouquecer demoram alguns minutos para passar, mas se voce se concentrar neles, o medo vai aumentar o ataque vai se alongar. Voce vai sentir vontade de gritar, ir para outro comodo, pedir ajuda, chorar, ... Tente nao fazer isso, voce vai assustar seus parentes e o pior: assustar a si mesmo. Ignore completamente o medo, e se concentre em alguma outra coisa. Contar ate 100, assistir TV, ouvir radio, brincar com seus bichos de estimacao, nao se concentre no seu medo nem nas reacoes do seu corpo. Em minutos os sintomas vao enfraquecer ate desaparecer. Isso soluciona seu problema no curto prazo. Para solucionar seu problema de uma vez, va a um psicologo. Nao seja orgulhoso e achar que nao precisa, ou que psicologos sao para gente louca, ou o que seus amigos e parentes vao pensar. Pessoas normais (como voce) precisam de um psicologo de vez em quando, e somente com ajuda voce conseguira descobrir as causas do seu stress e retirar a sindrome do panico da sua vida.

Meu amigo esta tendo um ataque de panico, o que eu faco?

Nao adianta argumentar com a pessoa passando mal, o ataque de panico eh um resultado das substancias no sangue dela, argumentos de que ela nao vai morrer (ou enlouquecer), ou que nao faz sentido, ou qualquer tipo de logica nao vai ajudar. A pessoa precisa se acalmar, ignorar os sintomas do corpo e se concentrar em outra coisa. Diga com clareza e firmemente que nada ruim vai acontecer, que o que ela esta passando eh um fenomeno conhecido a decadas pela psicologia, e ela vai melhorar com certeza. Depois disso desvie a atencao dela para outras coisas, como televisao, radio, jornal, piadas, animais de estimacao, enfim, qualquer coisa. Os sintomas devem desaparecer gradualmente em alguns minutos (o ataque de panico medio dura 20 minutos). Continue a entreter esta pessoas por mais algum tempo. Depois de resolvido o problema no curto prazo, insista para que a pessoa procure ajuda profissional. Isso tem que ser enfatizado varias vezes, soh um profissional pode resolver o problema. Este passo pode ser especialmente trabalhoso se a pessoa nao quiser acreditar que tem um problema, ou alguma aversao a psicologos ou psiquiatras, ou estiver no estagio de nao querer sair de casa.

Tive uma crise(s), e agora nao consigo parar de pensar quando terei outra.

Isso eh normal, talvez por causa do grau de sofrimento que cada ataque causa, ou por causa dos elementos quimicos que estao no sangue, fazendo com que tenhamos um raciocinio um tanto quanto obssessivo. Este pensamento repetitivo atrapalha a sua concentracao e te deixa num permanente estado de medo, fazendo com que voce tenha a impressao que o ataque esta perto a todo momento.

Para resolver isso, 2 passos sao necessarios:

1) Nao ter medo de um ataque de panico.

Para isso, voce tem que ter ferramentas para resolver o ataque quando ele acontecer, como tecnicas de respiracao, contar ate 100 (meu psicologo sugeriu contar de 3 em 3 numeros, para forcar sua concentracao), ou cantar uma musica que voce goste (nao precisa ser em voz alta). Depois disso, sempre que voce pensar na proxima crise, repita para si mesmo “Nao tem importancia quando sera a proxima crise, eu posso ter dezenas por dia, pois agora sei o que fazer”. Isso nao fara com que nao ocorra um ataque, mas cada um deles sera cada vez mais fraco e passara mais rapido com o passar dos dias. Com o tempo, voce vai sentir o panico se aproximar, mas a calma por saber que voce vai saber o que fazer fara com que o ataque nem chegue a acontecer.

Me lembro que com o passar dos dias os ataques foram ficando mais fracos, apesar da evolucao ser bem lenta. Depois comecei a resolver as crises cada vez mais rapidamente, muitas vezes dentro do onibus, ou andando na rua, ou ate mesmo durante reunioes, assistindo filmes... Quem estava do meu lado nem imaginava o que eu estava passando ali, pois os sintomas eram cada vez mais fracos e nao eram aparentes mais.

Infelizmente a melhora demora para ocorrer (se voce pensar no assunto depois de uns meses, vai pensar que melhorou bastante rapido ate, mas para quem esta passando mal, os dias parecem eternidade). Eu deitava na minha cama no final do dia e me sentia emocionalmente cansado de ter que lutar o dia inteiro, mas o dia inteiro mesmo, e me perguntava se isso duraria para sempre, e ate quando eu aguentaria. Mas a melhora ocorre, especialmente se acompanhado de terapia. Talvez a demora aconteca porque leva um tempo para que as substancias quimicas do stress saiam do seu sangue, entao nao tem magica, o jeito eh aguentar, mesmo que pareca que nao vai passar nunca. Vai chegar um tempo que a sindrome do panico vai parecer algo distante e ate irreal, da mesma forma que nos lembramos dos nossos eventos da infancia.

2) Ignore seus sentimentos e os sintomas

Esta pode ser a parte mais dificil, mas voce deve ignorar seus sentimentos e as reacoes do seu corpo. Pode parecer estranho, mas seu emocional esta “quebrado”, e deve ser ignorado ate que volte a funcionar direito. A partir de agora, voce eh um ser humano operando soh com a mente, a mente eh a unica parte em que voce pode confiar. Voce vai sentir medo de sair, vai sentir palpitacoes soh de pensar nisso, mas se voce achar que realmente precisa sair, entao va. Eu sei como eh dificil comprar pao com meu corpo tremendo, quase entrando em panico, com vontade de gritar, sentindo as veias pulsando no rosto. Utilize a tecnica acima se preciso, mas nao deixe de viver sua vida, se voce fizer isso, vai se isolar cada vez mais, sua mente vai ter menos coisas para se entreter, e ai vai ficar livre para se concentrar no nao deve: nos sintomas.

Se voce ja esta isolado, tente voltar a viver sua vida gradualmente. Eu sei que voce estava esperando os ataques de panico passarem para voltar a ter sua vida, mas isso nao vai acontecer. O que contrario acontece: volte a viver sua vida, e os ataques de panico vao passando gradualmente.

E o mais importante, procure um psicologo. Voce se sentira desanimado por causa dos ataques de panico, e sem vontade de pensar em outras coisas. Mas como ja disse, suas emocoes nao estao funcionando, e portanto devem ser ignoradas completamente. Marque uma consulta e va, mesmo que esteja passando mal ou nao estiver com vontade. Neste momento, a sua mente eh tudo o que voce tem. Uma vez que o seu problema estiver resolvido, o equilibrio quimico do seu corpo sera restaurado e suas emocoes voltarao ao normal, mas ate lah, elas devem ser ignoradas.

E para curar?

Por nao ser uma doenca, nao podemos utilizar a palavra cura, da mesma forma que eh estranho falar “eu curei minha perna quebrada”. A sindrome do panico eh simplesmente um problema(s) no seu estilo de vida, que precisa ser ajustado. O processo para solucionar tal problema de uma vez por todas foge do escopo deste texto, e entra no escopo do trabalho do psicologo, mas no geral posso dizer que consiste em encontrar as fontes de stress, e encontrar modos de lidar melhor com eles.

O lado ruim eh que, diferentemente de uma doenca, o profissional nao vai resolver seu problema sozinho e voce soh precisa relaxar, a sindrome do panico tera que ser resolvida por voce, mudando alguns aspectos da sua vida. O lado bom eh que nao deixa nenhuma sequela, e pode ser resolvido para todo o sempre, sem recaidas.

Algumas pessoas ou websites dizem que a sindrome do panico nao pode ser solucionada, mas sim controlada ou amenizada. Este eh um dos exemplos de textos que eu preferia nao ter lido... Isso nao soh nao eh verdade, como assusta quem sofre deste mal, pois tudo o que esta pessoa quer eh acreditar que vai conseguir se livrar disso para sempre.

Repito que pela minha experiencia pessoal e pelas afirmacoes do meu psicologo, sei que eh possivel se livrar disso para todo o sempre. No futuro, voces brigarao com sua namorada (seu namorado), descobrirao que foram traidos, serao demitidos, seus parentes morrerao, enfim, todo tipo de situacao desagradavel acontecera. Mas isso nao fara com que a sindrome do panico volte, voces podem ate ficar desanimados, tristes, chorar, ... mas a sindrome do panico vai desaparecer para sempre.

Bem me lembro que as vezes me dava vontade de desistir, de ceder e deixar o panico tomar conta. Pensava que eu nunca tinha sequer imaginado que era possivel sofrer tanto, e me perguntava porque justamente eu estava passando por aquilo. Eu que nunca fui um santo, mas com certeza sempre fui uma boa pessoa. Continue lutando, pois existe um fim. Continue lutando, ate porque voce nao tem nada melhor para fazer, o que poderia ser mais importante que recuperar sua qualidade e a normalidade da sua vida?

Hoje eu me lembro da sindrome do panico uma vez a cada varias semanas, nao porque eu tenha algo de novo, mas como mera curiosidade do que me aconteceu no passado. As vezes eu ainda sinto alguns daqueles sinais de stress, mas por ter aprendido a reconhece-los, ja posso lidar com eles de modo que eu nao tenha um ataque de panico no futuro.

Eu nao mereco ter sindrome do panico.

Curiosamente, somente boas pessoas sofrem da Sindrome do Panico. Geralmente porque elas se importam demais com os outros e nao conseguem impor limites, ficando muito tempo numa situacao aonde sao pressionados por outras pessoas (familiares, amigos, conjuges, a sociedade, ...); estao infelizes com sua propria realidade, mas nao lutam para abrir seu espaco, por nao querer magoar ninguem. Este eh um defeito com certeza, apesar de ser um bem inofensivo... Infelizmente, a punicao nao eh proporcional ao erro que cometemos.

Mas a Sindrome do Panico tambem tem seu lado bom, ela chama sua atencao para aspectos importantes da sua vida que voce vinha ignorando, geralmente o tipo de coisa da qual voce se arrepende de nao ter trabalhado somente nos seus ultimos minutos de vida. Este mal te da a chance de consertar sua vida, fazer as coisas do jeito certo enquanto voce ainda tem muitos anos de vida. Quem supera a Sindrome do Panico nao volta a ter a mesma vida de antes: passa a viver muito melhor, sabendo colocar limites, respeitar a si mesmo, seus sentimentos, vontades e sonhos. Nao vou dizer que agradeco a Deus por ter tido Sindrome do Panico, pois preferia ter tido esta mudanca de pensamento sem tanto sofrimento, mas hoje vejo que esta epoca foi muito boa para minha vida, me permitiu dar uma guinada para um futuro melhor para mim.

Me sinto melhor apos ter lido todo este texto.

Se voce esta se sentindo bem apos ler este blog, isso eh muito bom. Nao soh eh bom porque eh um pequeno alivio para quem passa longos periodos tenso, como tambem eh uma prova de que a sindrome do panico nao eh uma doenca. Voce ja ouviu falar de alguem com pneumonia conseguir respirar melhor soh porque leu um texto? Ou alguem com gripe ter sua febre baixada soh porque viu alguma coisa num blog? Obviamente nao. Isso acontece porque seu problema eh psicologico, logo faz sentido algo que afeta somente sua mente reduzir os sintomas desta forma.

Eu tambem escolhi especificamente assuntos e fatos que me acalmaram quando eu sofria deste problema, tentei falar deles varias vezes, explicando, dando exemplos e falando deles de novo so para fixar; e pesquisei tambem temas que me assustaram (ainda mais! rs) quando eu pensava neles, como “sindrome do panico nao tem cura” ou “eh realmente possivel morrer ou enlouquecer por causa disso”. Felizmente, descobri que tais pontos assustadores nao eram verdade, na verdade todo mundo sabe que nao eh possivel morrer ou enlouquecer devido a sindrome do panico, mas que a sindrome do panico tem solucao nao eh uma verdade amplamente aceita, se voce continuar pesquisando na internet, vai encontrar muito material dizendo o contrario. Eu espero que meu depoimento, a opiniao do meu psicologo e o mini-experimento cientifico que fizemos (sobre voce se sentir melhor soh por causa da leitura) facam voce ter certeza da verdade.

Retomando, a sensacao de calma eh devido ao conteudo da leitura, e tambem a concentracao com que voce leu. Esta concentracao fez com que voce deixasse de prestar atencao no que esta acontecendo no seu corpo, ou seja, sem perceber voce usou o segundo passo que citei acima. Infelizmente, sei que esta calma vai passar nas proximas horas ou dias, devido a presenca dos hormonios no seu sangue e das mesmas causas de stress na sua mente; e mesmo a leitura deste documento nas proximas vezes nao surtira o mesmo efeito que da primeira vez. Continue a batalhar contra o medo, se trate, e voce se livrara deste problema para sempre.

Ponto filosofico.

O que eu vou falar agora pode ser um tanto quanto controverso, mas eu pessoalmente acho que a coisa mais complexa, mais fantastica e mais fascinante que o ser humano ja fez foi aprender a falar. Nao sei se voce ja parou para pensar nisso. Imagine dois homens da caverna, que soh usam suas cordas vocais para assustar outros animais, de repente decidem criar um som comum para expressar “melancia”, de modo que quando um soltar tal som, o outro vai imaginar uma melancia tambem. Isso eh tao abstrato, afinal uma melancia nao tem nada a ver com som algum. E depois disso, criar dezenas de milhares de sons, cada um para expressar um objeto ou um detalhe, e todos terem que decorar todas estas palavras (e pensar que eu tenho dificildade de decorar os nomes dos onze jogadores da selecao brasileira). E isso tudo para um ser tao simples quanto um homem das cavernas. Agora imagine frases como “Acabei de ver tres bois passando, e um deles parecia machucado”. Isso eh tao incrivelmente complexo, uma combinacao de regras para expressar passado, quantidade, tempo, detalhes...

Mas o fato com o qual eu realmente nao me conformo eh que milhoes de seres humanos tenham desenvolvido suas cordas vocais pre-historicas para produzir os mesmos sons, aprendido as mesmas regras abstratas e complexas, e uma quantidade monstruosa de palavras para se comunicar um com o outro. Pense bem, ate a pessoa mais burra que voce conhece aprendeu a falar. Ate as que tem problemas mentais conseguem aprender, mesmo tomando um pouco mais de tempo para isso.

Porque eu estou falando isso? Porque quero que voce veja o que eu vejo. O ser humano eh uma criatura incrivelmente inteligente, capaz de coisas fantasticas, contanto que ele nao duvide de suas capacidades.

Voce sabia que durante a escravidao os senhores de engenhos achavam que os negros nao seriam capazes de ler e escrever (que eh ainda mais complexo que falar), e em outros tempos a mesma duvida ja pairou sobre as mulheres? E imagino que tenha sido dificil para escravos e mulheres aprenderem tais habilidades, nao porque eles sejam menos privilegiados, mas porque tamanha pressao social deve ter afetado sua auto-confianca em aprender. Hoje em dia soa ridiculo imaginar que um grupo de seres humanos nao possa aprender a ler e escrever, nos perguntamos como alguem pode acreditar em algo tao idiota. Mas acho que este tipo de coisa ainda existe, porem aplicado em outros lugares, como idosos nao serem capazes de aprender informatica, ou os homens nao entenderem as mulheres.

Aonde quero chegar eh que todo ser humano eh capaz de fazer coisas fantasticas, enquanto nao tiver duvidas que pode faze-las. Se voce aprendeu a falar, uma habilidade tao complexa, inteligente e que exigiu tanto esforco; superar a sindrome do panico nao eh nada, literalmente nada.

Quando estava passando mal, pensava que se eu vencesse a sindrome do panico seria o maior orgulho da minha vida. Mas agora eu mudei de ideia, quando eu morrer e no outro lado me perguntarem qual foi minha maior conquista, falarei que foi aprender a falar.

Adendo

Agora ja faz quase de um ano que escrevi este depoimento, e queria ressaltar aos internautas que a "cura" realmente eh possivel, especialmente para aqueles que falam que terao Sindrome do Panico para o resto da vida, ou que ela sempre volta.

Eu nao tive nenhuma crise neste tempo todo, e o mais importante, nao tenho medo de ter... Se eu tiver, simplesmente lidarei com ela com calma e com as tecnicas citadas acima. Obviamente tive momentos de ansiosidade, em momentos ruins da minha vida, mas nao vi nem sombra de um ataque em momento algum.

Eu realmente acredito que a falta de medo da Sindrome do Panico eh um grande fator para que ela desapareca ou nao volte a atacar de novo.

A grande questao da Sindrome do Panico nao eh se voce vai morrer ou ficar louco; pois isso simplesmente nao acontece. A questao eh por quanto tempo mais voce vai passar mal, semanas? meses? Esta eh a unica coisa com que voce deve se preocupar, de resto, voce esta seguro: seu corpo e mente estao funcionando bem, quando voce tiver superado a Sindrome do Panico nao havera "sequela" alguma, tudo voltara ao normal.

Tambem quero ressaltar os links que coloquei no lado esquerdo, tem bastante coisa interessante, quem quiser ler mais vai ficar satisfeito com o material. Se tiver tempo, leia especialmente o documento do ultimo link: um manual para tratamento da Sindrome do Panico, muito detalhado e completo, escrito por Bernard Rangé, Professor do Departamento de Psicologia Clínica do Instituto de Psicologia da UFRJ. Voce vai gostar.

Aos leitores do blog.

Quero agradecer aos leitores do blog pelos comentarios que tem deixado, e pedir para quem ainda nao comentou para que deixe seus comentarios, criticas, impressoes, elucubracoes, desabafos, sugestoes, experiencias, enfim, o que quiserem... Eh uma satisfacao para mim saber que meu esforco em escrever estas linhas esta sendo util. Alem disso, eh tambem interessante para quem entra no blog saber o que os outros internautas pensam.

A quem esta lendo isso pela primeira vez, deem uma olhada nos comentarios, pode ser que os ajude a se animar ou tenha alguma informacao interessante.

Ao pessoal que tem algum tipo de site, blog ou coisa parecida, quero pedir que coloquem links para este blog. Se voces fizerem uma busca no Google sobre a sindrome do panico, vao reparar que ele traz uma serie de sites com informacoes vagas, incompletas, as vezes erradas e tambem muito focados em depoimentos de gente sofrendo dos sintomas. Este tipo de informacao ruim eh prejudicial para qualquer problema que o ser humano possa sofrer, mas eh especialmente nocivo para o pessoal que tem sindrome do panico, que realmente chega a piorar soh por ler aquelas informacoes. Se voces acham que este blog vai informa-las melhor, adicionem links para este blog, pois o algoritmo do Google coloca mais prioridade para sites que tenham mais links, assim este blog pode passar na frente destes resultados nocivos.

Tambem quero convocar todos que ja superaram a sindrome do panico para que se manifestem, disponibilizem suas experiencias e tecnicas utilizadas em algum lugar, pode ser um site, mas comunidades do orkut ou mesmo atraves dos comentarios deste blog. O pessoal que tem este problema se reune, a quantidade deles e o fato de que eles nao terem contato com ninguem que ja resolveu tal problema, faz com que fique a impressao de que a sindrome do panico eh algo insuperavel, ou “incuravel” como alguns dizem. Foi por isso que eu separei alguns dias da minha vida para escrever este texto, pesquisar, reler, reorganizar, pensar, reescrever, ler os comentarios, adicionar mais coisas... Mesmo eu tenho prometido a mim mesmo que nunca mais traria este assunto a tona de novo em toda a minha vida. Cada pessoa que nao tem mais sindrome do panico tem uma divida para com o universo. As pessoas que estao passando por isso estao precisando de voces. Facam sua parte.

Era isso o que eu tinha a dizer, espero ter sido util.

Google